Escrito em por . Atualizado em 21/12/2017 11:00h.

fa327c1d-1bc7-413c-ae6f-7dd451d899fe

LIZIA, JOSÉ JÚLIO E Rosseli[Conselheiro do MEC Rosseli Soares, Dra. Lízia Bodenstein (representando a ANAJURE) e Dr. José Júlio (membro do CDN da ANAJRUE)]

Na última quarta-feira (20), a ANAJURE esteve representada pela Dra. Lizia Bodenstein (secretária executiva da ANAJURE) e pelo Dr. José Júlio dos Reis (membro do Conselho Diretivo Nacional da ANAJURE), na cerinômia de homologação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada no Conselho Nacional de Educação (CNE) no dia 15 de dezembro (leia mais aqui), a qual ocorreu no Palácio do Planalto.

A data da homologação foi propositalmente escolhida, uma vez que nesse mesmo dia, há 21 anos, foi assinada a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB).

A solenidade contou com a presença do presidente Michel Temer e do ministro da Educação, Mendonça Filho. Temer disse que este dia inseria a educação do Brasil no século XXI, no sentido de que o país esperava há 20 anos por este documento. Mendonça Filho destacou: “O Brasil só será um país diferente se tiver como fator de transformação a educação”. O ministro também enfatizou que a BNCC é um documento plural que respeita as diferenças e os direitos humanos.

“É uma grande hora para a ANAJURE ser convidada a participar do processo de votação da Base e hoje estar presente nesse dia histórico para o país. Agora nosso foco será acompanhar aplicação documento em suas localidades e a elaboração da Base para o ensino médio”, disse o presidente da ANAJURE, Dr. Uziel Santana.